Sugestão Para Conhecer Paris em Pouco Tempo

Habituada a viajar em trabalho nunca desperdiço um bocadinho de tempo livre. Sempre que vou para fora aproveito todos os momentos para partir à descoberta da cidade que me acolhe, nem que só me sobre uma hora ou duas.
O desafio é o que fazer numa cidade tão grande e tão bonita e com tão pouco tempo, por isso faço sempre algum trabalho de pesquisa antes de viajar para conseguir aproveitar ao máximo o tempo livre que me resta, o que normalmente acontece antes de apanhar o voo de regresso a casa.     
 Estive recentemente em Paris em trabalho. Sobrava-me uma hora ou duas no final do jantar no centro da cidade e quase o mesmo tempo de manhã, antes de regressar a casa.
O que fazer em tão pouco tempo?

A noite em Paris é mágica mas não tendo muito tempo livre optei por me concentrar nos monumentos que brilham à noite e que são fotogénicos. Tendo este pensamento em mente optei por jantar nos Champs-Élysées. Uma das avenidas mais fotogénicas do mundo apresenta-se até tarde cheia de vida e de gente. Nas ruas, apesar do frio e da chuva, as pessoas amontoa-se à porta dos restaurantes ou movimentam-se com sacos na mão, fruto das lojas abertas até muito tarde e dos saldos que se exibem nas montras.   
O ambiente alegre faz desta zona um lugar a não perder com o Arco do Triunfo no topo e as ruas, lojas e casas ainda com decoração de Natal, a fazer lembrar que todos os dias são bons para celebrar.
Este é atualmente um local de eleição para os amantes das compras além de ser de um dos lugares mais bonitos para passear em Paris. A avenida encontra-se dividida em duas partes: A zona mais baixa da Champs Élysées, situada junto à Praça Concorde, distingue-se por belos jardins rodeados por edifícios deslumbrantes como o Palácio do Descobrimento, o Petit Palais e o Grand Palais. A parte alta começa na Place de l’Etoile, junto ao Arco do Triunfo, concentra um grande número de lojas de luxo e restaurantes.


Dali à Torre Eiffel, especialmente porque era de noite, foi um pulinho. Apesar das obras lá estava ela imponente e bela, iluminada pela lua e pelas luzes que fazem já parte da sua vida. Este ícone é o edifício mais alto da cidade e o monumento pago mais visitado do mundo. Possui 324 metros de sendo por isso a segunda estrutura mais alta do país, atrás do Viaduto de Millau. A torre tem três níveis para os visitantes. Do primeiro andar vê-se a cidade toda e o segundo nível tem um restaurante.
Com o passar do tempo a torre metálica tornou-se o símbolo mais reconhecido de Paris e da França, fazendo parte de inúmeros cenários de filmes.
A noite terminou fria acabou aqui, já muito tarde, quando o fecho de todas as luzes fez a Torre Eiffel diluir-se na paisagem, apagando também um pouco da magia ao levar para casa os inúmeros turistas que procuravam ainda o melhor spot para tirar aquela fotografia especial junto a este monumento francês.
Quase sem tempo disponível a escolha do dia seguinte tinha de ser cirúrgica e bem cronometrada. A escolha claro tinha de ser Montmartre, sem duvida nenhuma o meu lugar preferido em Paris.
Este bairro boêmio, na realidade uma colina que, já desde os tempos antigos foi lugar de culto, deve seu nome, provavelmente, aos inúmeros mártires cristãos que foram torturados e mortos no local. O encanto deste bairro, dominado pela Basílica do Sagrado Coração, reside nas inúmeras lojas, algumas muito antigas e ainda nos artistas que pintam nas ruas, nos inúmeros turistas e nos vendedores ambulantes.
O também conhecido como o “bairro dos pintores”, é célebre pelas suas ruas estreitas que inclui desde antigos cabarés e restaurantes criando um ambiente único, boêmio e artístico.
Para encerrar, já com muitas saudades de casa, recomenda-se que se mate saudades num cantinho verdadeiramente português, onde não falta o bom café expresso da Delta e um pastel de nata saboroso e crocante. Se tiver mesmo muitas saudades de Portugal, siga para a ginjinha em copo de chocolate e oiça a música portuguesa que escorre pelas colunas do Paris-Porto, na Rue des Martyrs, mesmo no coração de Montmartre.










Mensagens populares